Untitled Document
Untitled Document
pten

Uma missão técnica do Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP), formada pelos funcionários Osíris Fernandes, Geraldo Pimentel, Heitor Salvador, Luciene Souza e Felipe Alves, realizou uma série de atividades com foco na gestão da inovação e empreendedorismo, de 16 a 20 de outubro. O grupo participou de capacitações promovidas pela ANPEI (Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras) e visitas técnicas à Agência de Inovação da Universidade de São Paulo (AUSPIN) e ao Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT). A missão foi financiada com recursos do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico).

As capacitações desenvolvidas pela ANPEI tiveram como foco a rota estratégica da gestão da inovação com o curso “Gestão de portfólio de projetos inovadores” e o ciclo de capacitações em inovação e tecnologia com curso de corporate venture. “Além disso, se iniciou uma proposta de cooperação técnica com a ANPEI, tendo como foco a inserção de um ponto de presença dessa instituição no ITEP. Sua principal função seria amentar a difusão do conhecimento e capacitações da instituição nas regiões Nordeste e Norte do Brasil”, afirma o diretor de Marketing Osíris Fernandes.

As visitas técnicas tiveram como objetivo entender o funcionamento das instituições e promover o intercâmbio de experiências e boas práticas de gestão de inovação/empreendedorismo tecnológico. “Foram debatidas as principais estratégias e ferramentas de gestão na área da inovação, propriedade intelectual, transferência de tecnologia e portfólio de projetos de inovação tecnológica”, conta o coordenador do Núcleo de Inovação Tecnológica do ITEP (NIT), Geraldo Pimentel. 

A missão técnica também buscou estabelecer parcerias técnicas estratégicas. “No caso do IPT, por motivos de similaridade institucional, foram imediatamente identificadas áreas para possíveis parcerias (engenharia civil; gestão territorial) que deverão ser articuladas pela diretoria de Marketing e as unidades técnicas do instituto”, aponta Osíris Fernandes.

Untitled Document